quinta-feira, outubro 09, 2008

Assim, em pleno caminho, encontro com Escher.

3 comentários:

xistosa - (josé torres) disse...

Ainda me ri com o Escher, (se é o artista holandês, salvo erro).

Mas tudo no mundo tem uma mãozinha chinesa.
Um pé!
Ou dois pauzinhos!

Mas ainda hei-de ver algum ricaço, casado com moça nova, mas cansado dela, contratar um chinês para lhe fazer um filho que ele, (ricaço) não tem tempo ou disposição.

O chinês faz tudo, até leite artificial ...

Criptor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
xistosa - (josé torres) disse...

Criptor

O político tem sempre a razão ... se não for a dele é a do dinheiro.
É engraçado que por cá é igual ... será que por serem de carne e osso, ou é doença que o sangue transmite?