segunda-feira, outubro 25, 2010

Fidibéque

Ai, foi agora há pouco, nem faz muito tempo! Recebi na postagem anterior um comentário, o sujeito tava com raiva, disse que falo demais.  Em geral, as pessoas só passam a ter raiva de mim depois de me conhecerem ou associarem algum feito a mim. De minha parte, então, digo que este é um recorde pessoal. Mas não quero que pareça que o sujeito era um grosseirão ou mais uma dessas pessoas que entram aqui para ficar falando besteiras desnecessárias em busca de atenção. Ele foi lisonjeiro, elogiou os textos, deu parabéns ao blog até. Mas como nada é perfeito, ele arrematou dizendo que não vive mais sem o Casa101. E nessa hora eu ponho a mão no peito e faço aquela cara de beata constrangida das novelas do Dias Gomes. Não vive mais?! Como assim não vive mais? Você tem noção do tipo de pressão que isso me causa? Só de ler essa última linha, eu tive um bloqueio literário motivado por essa cobrança do público, afinal, pensem comigo, a pessoa lê uma meia dúzia de coisas e já fica com raiva. Se eu continuar escrevendo, que tipo de sentimentos despertarei neste indivíduo? Há ainda uma outra remota possibilidade, vai que através do constante exercício e mais abjeta insistência, por ventura, eu passo a escrever alguma coisa com algum valor, além do conhecido nem-um-vintém? Isso mudaria tudo, a começar pela relação de clemência e desprezo que meus credores têm por mim. Mas convenhamos, essa probabilidade tende ao zero.
Mas, sinceramente, seu b******, as coisas aqui são meio paradas, a funcionária do mês desta repartição por vezes se perde de casa — outras vezes, até mesmo dentro da própria casa —, então não se vicie por isso, não. Até porque não haverá nem mesmo um grupo de apoio para ajudá-lo a lidar com este vício. Se gosta tanto de ler besteiras, todos os dias entregam nas bancas de jornal material mais do que suficiente para suprir esta necessidade. E o pessoal de lá faz isso por profissão mesmo, eu só faço isso porque se eu falasse, ninguém me escutaria.

4 comentários:

b****** disse...

Eu não tenho raiva de você, foi uma piada muito sem graça. Peço desculpas. Já pensou em escrever livros? É sério! É fantástico o que você faz.

http://www.firjan.org.br/data/pages/4028808120E98EC701210C19EE9B44B0.htm

Que tal? Eu não sou o único que admira seu "trabalho" aqui. Você tem talento. Mais uma vez, me desculpe pelo comentário idiota.

Beluga disse...

Ahn? Detran? Cinema? Vão montar um Drive In? (sem nexo? veja aqui http://www.youtube.com/watch?v=-YXVbwvAqSM e endenda...)
bjs

金卡AlvaroCastroJr. disse...

Bom o gafanhoto era tamanho XXL e merecia mesmo um post à altura. Agora, comentário de um distraído: no momento que vc escreve "seu b****", da mesmo a sensação de "seu bosta" mas sei que nao foi a intenção :)

xistosa - (josé torres) disse...

Parece-me que não foram os meus "camarões voadores" que acirraram o atrito que qualquer texto produz ou poderá produzir.
De qualquer maneira, não adianta colocar-se em bicos de pés porque a Casa 101 é muito alta (rsrsrs).
Escrevi isto sem nenhuma intenção de ofender seja quem for.
Levo a vida numa boa ... e rir ´,e um remédio poderosíssimo.